Jan/Fev 2018

Na Rota Sagrada da Índia


De 28 de janeiro a 15 de fevereiro de 2018
• vagas limitadas •

Prepare-se! Esta é uma viagem de imersão na cultura e na religião de um dos povos mais devotos da Terra. Partindo das imponentes mesquitas em Nova Delhi e Agra, passando pelas águas sagradas do Rio Ganges em Rishikesh, Allahabad e Varanasi (que para os hindus é mais que um rio, é a própria personificação da deusa Ganga Kalighat), visitando os templos mais sexies do planeta construídos por jainistas e hinduístas em Khajuraho, até chegar em Bodhgaya, onde Sidarta Gautama, vulgo Buda, atingiu a iluminação e teria fundado o budismo no século V a.C. É uma viagem para abrir a mente, despertar a empatia e a tolerância para voltar com uma nova percepção do mundo na bagagem.

screen-shot-2016-12-10-at-18-47-57
Serão 19 dias/18 noites de viagem, passando por 7 cidades.

Nova Delhi
A gigantesca capital do país, com seus bazares frenéticos, avenidas amplas, fortalezas, museus, mesquitas e vestígios de impérios já desaparecidos será a primeira e a última cidade da nossa viagem. Bom lugar para comprar souvenirs, chás, temperos e tecidos. É também onde melhor se observa a vida em um país com tanta pobreza material contrastando com tamanha riqueza cultural.

Rishikesh
A autoproclamada Capital Mundial do Yoga ficou de fato famosa depois que os Beatles – no final dos anos 60 – se hospedaram num ashram e de lá escreveram grande parte do Álbum Branco. Cidade é cheia de sadhus, peregrinos, turistas e vacas. Muitas vacas. Não faltam opções para meditação, tratamentos ayurveda, rafting, aulas de yoga, música e culinária.

Agra
Senhoras e senhores, preparem o coração para todo esplendor da maior de todas as atrações da Índia, o Taj Mahal! O mausoléu de mármore branco foi construído pelo imperador Shan Jahan em 1653 para sua esposa favorita, Mumtaz Mahal, que morreu ao dar a luz para seu 14º filho, não pode ser descrito com palavras ou imagens: é preciso ver de perto.

Khajuraho
O conjunto de templos nessa pequena cidade é simplesmente imperdível. Esculturas que transbordam sensualidade, de acrobacias sexuais até orgias com animais. Ganhou o apelido ‘Templos do Kama Sutra’ apesar de não ter nenhuma ligação histórica com o livro. A pequena cidade também tem uma vila ancestral, onde os costumes de separação social por castas ainda são mantidos.

Allahabad
Existem crenças de que Brahma, o deus criador no hinduísmo, quando veio à Terra, desceu nesta cidade. Nas margens do Ganges os fiéis fazem seus ‘mergulhos sagrados’, uma prática para purificação da alma.

Varanasi
É considerada a mais sagrada de todas as cidades na Índia, nas margens do Ganges. Varanasi e o rio são um choque pra nossa compreensão ocidental: nas mesmas águas onde os devotos se banham, lavam roupas, limpam as vacas, bebem água, despejam esgoto, transportam mercadorias eles também jogam as cinzas dos entes queridos e performam lindas cerimônias diárias de agradecimento às divindades. Tudo ao mesmo tempo agora. Também faremos uma daytrip até Sarnath, onde Buda fez sua primeira pregação após alcançar a iluminação.

Bodhgaya
Milhares de budistas de todo mundo visitam a cidade para rezar, meditar e estudar. Foi neste lugar que Sidarta Gautama, após meditar por 49 dias e 49 noites atingiu a iluminação, se tornou Buda e passou a doutrinar o budismo.



Este slideshow necessita de JavaScript.

*   *   *


botao-download-roteiro


Valores

Roteiro de 19 dias/18 noites.

US$ 1.950,00 /pessoa

Valor em dólar americano, convertido ao câmbio turismo no dia do pagamento.


Adicional para quarto single: US$ 750,00


O que está incluso:

  • Todos os deslocamentos terrestres (incluindo pickup no aeroporto);
  • Um vôo doméstico (Varanasi para Nova Delhi), com 15kg de bagagem inclusa.
  • Hotéis em quartos duplos, com AC e banheiro privativo; 
  • Entradas nas atrações, quando mencionadas nos roteiros (exceto taxa de fotografia/filmagem);
  • Guia(s) em português (Larissa e/ou Roberto) nos passeios e traslados mencionados.

Uma ajudinha no pré-viagem também está inclusa:

  • Dicas na compra das passagens aéreas;
  • Orientação sobre vistos, planos de saúde e vacinas (certificado internacional de febre amarela é obrigatório e deve ser obtido no máximo 10 dias antes da partida. É válido por 10 anos e emitido gratuitamente pela Anvisa);
  • Dicas de livros, filmes e músicas pra já ir entrando no clima;
  • Sugestões de como arrumar a mochila. Viajar leve é o segredo do sucesso e muita coisa é melhor deixar pra comprar lá mesmo.

Praticidade é tudo.

Se você preferir, podemos indicar agências de viagens parceiras para emissão de bilhetes, vistos e vacinas. Também podemos passar orientações sobre cursos de inglês na Índia (antes ou depois dos nossos roteiros) e como esticar a viagem por mais alguns meses em outros países. 


O que não está incluso:

  • Passagens aéreas do Brasil até a Índia;
  • Taxas de embarque;
  • Despesas com documentação (passaporte e visto);
  • Seguro Viagem e vacinas;
  • Refeições não mencionadas e bebidas;
  • Taxas de foto/filmagem nas atrações que demandarem;
  • Gorjetas a motoristas e guias;
  • Bagagem que exceda 15kg no vôo doméstico previsto no roteiro;
  • Qualquer outro item não mencionado como incluído.

(Lembramos que toda documentação, passagens, vistos e vacinas são de responsabilidade do contratante)


Forma de pagamento

Depósito bancário de 50% na contratação e 50% até 5 dias antes do embarque.


Política de cancelamento

Até 7 dias após o pagamento:
devolução do valor integral pago do sinal.

Até 30 dias antes da partida:
20% de multa sobre o valor total do pacote.

Até 15 dias antes da partida:
50% de multa sobre o valor total do pacote.

Não haverá reembolso após 15 dias antes da partida.


Gostou da ideia? Entre em contato com a gente.